Ir para o conte�do
Prospectar Clientes

E ai, você sabe o que são leads?

Tire todas as suas dúvidas!

Leitura: 8 min
453 visualizações

O que são leads? Pasmem, mas essa é a pergunta mais frequente para os novatos que entram no mundo do Marketing Digital. Mas não se assuste, apenas de ser um nome que provoca certo receio, os leads são criaturas inofensivas – que apenas agregaram se souber como lidar com elas!

Nesse artigo, iremos dizer tudo sobre o que são leads – desde os seus tipos, importância, métodos e entre outros assuntos.

 

Afinal, o que são?

O que são leads? Essa é sempre a primeira questão a vir a mente. Os leads são caracterizados como as pessoas que demonstram certo interesse em adquirir um produto ou serviço da sua empresa.

Isso pode e dar por meio do preenchimento de um formulário online com seus dados de contato, por exemplo. Mas, basicamente, um lead é um potencial cliente!

Um lead é um usuário que está no alcance de sua empresa, que passa a fazer parte do funil de vendas – sendo moldado e trabalhado pelo setor de Marketing e Vendas, para que seja fechado um negócio.

 

Por que eles são tão importantes?

Através de ofertas – seja por meio de conteúdo, ofertas, guias, vídeos e entre outros – é possível fazer a captação de informações de contato, sabendo o que uma pessoa está procurando em termos de serviço, conhecimento ou até mesmo desejo de compra.

Quando esse lead se torna um potencial cliente, é a vez da empresa guiá-lo em sua jornada de compra – tornando-o finalmente um cliente efetivo.

Nos dias de hoje, os clientes fazem buscas e comparações antes de comprarem determinado serviço ou produto. Sendo assim, é necessário que a empresa se atualize em relação ao atendimento e marketing que deve ser executado para esse cliente.

Então você se pergunta, o que são leads? Eles são isso, uma soma de estratégias de captação e de nutrição dos mesmos – e quando essas estratégias são feitas com perfeição, trazem grandes resultados para a empresa.

 

Entenda a diferença entre assinantes, visitantes e leads

Para entendermos um pouco mais sobre o que são leads e qual a sua importância em meio a esse cenário, é preciso conhecer as diferenças entre os principais usuários que frequentam seu site. Confira a seguir:

Assinantes

É aquela pessoa que visitou o seu site, gostou dos conteúdos e agora tem um interesse em saber mais sobre o que você tem a oferecer. Muitas vezes, esse usuário é um assinante de Newsletter – que acompanha seus canais de comunicação.

Mas apesar de ser um assinante, são grandes as chances de o usuário querer apenas receber conteúdos informativos e educativos. Por demonstrarem certo interesse ao que você tem a oferecer, eles se tornam leads em potencial.

Visitantes

São todas as pessoas que acessam seu site em determinado período – ou apenas uma vez. Eles não precisam, necessariamente, frequentar a página; entretanto, você sabe que eles já estiveram ali.

O visitante se torna um usuário que mostrou seu primeiro contato, demonstrando interesse por determinado conteúdo, mesmo que tenha sido apenas por uma curiosidade momentânea.

Leads

São as pessoas que já estão ao alcance da sua empresa – já que, nessa etapa, você possui informações de e-mail e até mesmo telefone dessas pessoas, por elas terem se inscrito em algum canal de comunicação.

 

O que são leads qualificados?

Mesmo que um lead seja o usuário que tenha demonstrado um certo interesse pelo seu produto ou serviço, não há garantias de que ele se torna um cliente.

Entretanto, isso não ocorre com os leads qualificados – pois eles já são as pessoas dispostas à venda, com grandes chances de comprar o que sua empresa oferece.

Entender e saber quem são seus leads qualificados permite que os setores de vendas e marketing façam suas estratégias de ações – sendo consideradas muito mais assertivas. Sendo assim, é possível evitar a perda de tempo e recursos com contatos que não estão preparados para a etapa de compra.

 

Como qualificar um lead?

Não existe uma fórmula mágica na hora de se qualificar um lead, já que isso depende muito do mercado, do seu produto ou serviço e o investimento que sua empresa faz. Mas somando tudo isso, você consegue definir os principais critérios para classificar um lead.

Geralmente, essa classificação é feita por meio de pontos – sendo esse processo chamado de lead scoring. De maneira simples, ele é um sistema que divide os leads em categorias, atribuindo pontos de acordo com o perfil do usuário – suas ações e objetivos podem somar pontos.

Um exemplo prático é observar os leads que vivem na região onde sua marca atua. Suponhamos que sua empresa seja da zona sul de São Paulo, sendo assim, aqueles que moram perto ganham uma pontuação muito maior do que aqueles que moram no Rio de Janeiro.

Entretanto, a pontuação pode aumentar se o usuário conclui algumas ações – como baixar determinados materiais que sua empresa oferece ou aparentar uma boa recepção dos e-mails enviados. Todos esses processos mostram que ele está tentando conhecer um pouco mais do seu negócio, tendo mais chances de chegar a etapa de compra.

 

Conheça os tipos de leads

Geralmente, as classificações podem variar dependo de empresa para empresa. Mas de maneira geral, eles podem ser classificados dessa forma:

Leads qualificados de informações

Na fase inicial de qualificação, o lead é classificado dessa maneira por não possuir informações suficientes para passar pelo funil – já que eles também não sabem o bastante sobre a empresa. Aqui, os leads são chamados de “frios”.

Leads qualificados em marketing

Após as estratégias para gerar leads, aqueles que demonstram interesse no produto/serviço irão se tornar leads qualificados pela equipe de Marketing. Entretanto, ele está interessado em seu produto, mas isso não quer dizer que esteja pronto para comprar.

Isso ocorre pois faltam informações adicionais ou até mesmo a assistência da equipe de vendas para a tomada de decisão – entretanto, são prioridades, já que estão quentes e bem próximos do final do funil.

Leads qualificados para vendas

Quando um cliente mostra interesse imediato para fazer uma compra. Geralmente, nessa etapa, o lead já pode ser considerado um prospect e está a ponto de se tornar um cliente – isso se dá pelo fato de o time de vendas já ter analisado esse lead para se tornar um cliente.

É importante lembrar que o time de Marketing não atua a partir dessa etapa.

 

 

 

Recomendado para você:

Postagens mais vistas:

Faça um orçamento: